A Palavra de Deus na Vida e Missão da Igreja

Sínodo dos Bispos reafirmou que a missão de anunciar a Palavra de Deus é dever de todos os discípulos de Jesus

Em outubro de 2008, aconteceu em Roma o Sínodo dos Bispos sobre a Palavra de Deus, um momento marcado pela reflexão e trocas de  experiências com o objetivo de destacar a importância da Bíblia na vida da Igreja. Durante o Sínodo, dom Antons Justs, bispo de Jelgava - Letônia, recordou os  mártires do século XX, inclusive o testemunho de um sacerdote de sua diocese que, durante o comunismo, foi preso pelos soviéticos implesmente por  ossuir uma  Bíblia. Foi condenado a 10 anos de trabalhos forçados na Sibéria. “Quando retornou à sua paróquia e celebrou a missa, leu o Evangelho,  levantou o Lecionário e disse: ‘Palavra da salvação’. O povo chorou e deu graças a Deus”, recordou o bispo.

Quase dois anos depois do Sínodo, em setembro de 2010, o papa Bento XVI publicou a Exortação Apostólica Pós-Sinodal, denominada VERBUM DOMINI, isto é, A PALAVRA DO SENHOR. Trata-se de um documento que procura sintetizar todas as experiências e reflexões feitas durante o Sínodo; e orientar e animar a Igreja no sentido de descobrir sempre mais a importância da Palavra.

No texto, o papa recorda que “A Palavra do Senhor  permanece eternamente”, e por isso, indica um caminho para a Igreja: “A Igreja deve redescobrir na Palavra divina a fonte de constante renovação,  com a esperança de que a mesma se torne cada vez mais o coração de toda a atividade eclesial”. A todos os fiéis ele exorta, dizendo: “redescubram o encontro pessoal e comunitário com Cristo, Verbo da Vida que Se tornou visível, a fazerem-se seus anunciadores para que o dom da vida divina, a comunhão, se dilate cada vez mais pelo mundo inteiro”.

Bento XVI recorda que o diálogo com Deus não  se dá da forma que se quer ou da que mais se satisfaz, mas sim pela escuta da sua Palavra. Seja nos Salmos ou qualquer outro livro, que seja Palavra de Deus, lá encontramos articulada toda a gama de sentimentos que o homem pode ter: alegria e sofrimento, angústia e esperança, medo e perplexidade, lamento ou canto de júbilo e a própria oração.

Na escuta da palavra, a existência inteira da pessoa torna- -se um diálogo com Deus que fala e escuta, que chama e dinamiza a nossa vida. A  Exortação mostra que a Igreja é o lugar no qual se deve interpretar a Bíblia. A autêntica interpretação da Bíblia só pode ser feita na vivência da fé eclesial, isto é, da Igreja. Muitas pessoas querem conhecer e ler por conta própria. São Jerônimo recorda que, sozinhos, nunca poderão ler a  Escritura. “Encontrarão demasiadas portas fechadas e cairão facilmente em erros” (S. Jerônimo). A Bíblia foi escrita pelo Povo de Deus e para o Povo  de Deus, sob a inspiração do Espírito Santo. Somente com o “nós”, isto é, nesta comunhão com o Povo de Deus, poderão realmente entrar no núcleo da verdade que o próprio Deus quer dizer.

O Sínodo reafirmou que a missão de anunciar a Palavra de Deus é dever de todos os discípulos de Jesus Cristo, em consequência do seu batismo. Bispos e sacerdotes, diáconos, os membros da vida consagrada, os fiéis leigos, de modo especial as mulheres, são chamados a anunciar o Reino  de Deus. “A Igreja não pode de modo algum limitar-se a uma pastoral de manutenção para aqueles que já conhecem o Evangelho de Cristo. O ardor missionário é um sinal claro da maturidade de uma comunidade eclesial”, recorda o papa na Exortação. Temos que ter consciência de que a Palavra  de Deus é a verdade salvífica da qual tem necessidade cada homem em todo o tempo. Por isso, o anúncio deve ser explícito. A Igreja deve ir ao  encontro de todos com a força do Espírito (cf. 1 Cor 2, 5) e continuar profeticamente a defender o direito e a liberdade das pessoas escutarem a  Palavra de Deus, procurando os meios mais eficazes para a proclamar, mesmo sob risco de perseguição.
DÊNIS BRUNO RIOS
Colaborador do Jornal Matriz
 

© Copyright 2014 -- Paróquia N. Senhora da Conceição / Santuário N. Senhora do Perpétuo Socorro -- Pça Sto Afonto, St. Campinas, S/N - Goiânia-GO TEL 62 3533 5310 - FB